quinta-feira, 7 de julho de 2016

Interdita a mistura de transportes ligeiros pesados e porta-contentores

A partir da próxima segunda-feira 11 de Julho, não será permitido aos camisões e rebocadores de porta-contentores, circularem no centro da cidade de Bissau fora das condições a serem estabelecidas por despacho conjunto.

Conforme o comunicado conjunto do ministério do Comércio e Artesanato, Secretaria de Estado dos Transportes e Telecomunicações, Sindicato Nacional dos Motoristas e Ciclomotores da Administração Publica, Privado e Afins (SIMAPPA) e Sindicato Democrático de Agrupamento de Motoristas Transportadores Rodoviários da Guiné-Bissau (SIDAMTRAR/GB) para acederem ao Porto de Bissau, os referidos veículos devem circular pela estrada de Volta de Bissau, passando em frente da Direcção-geral das Alfandegas e dirigindo-se ao longo da Avenida 03 de Agosto, e depois para a porta de entrada do Porto de Bissau.

O comunicado avança que durante o percurso será dada prioridade dos veículos, de acordo com os navios atracados no Porto. “ Se for um barco de um determinado Agenciador MAERSK, PORTLINE, AGEMAR e outros, só os veículos com carga para o barco desse Agenciador poderão passar por uma barreira que será montada ao longo da estrada de Volta de Bissau.” Refere o comunicado 
Ainda, o Governo promete que o Corpo da Guarda Nacional (GN) irá garantir a segurança das pessoas, dos veículos e das respetivas cargas durante 24 horas por dia, ao longo da estrada de Volta de Bissau.
Rispito.com/Lai Balde-correpondente, 07-07-2016

Sem comentários:

Publicar um comentário

ATENÇÃO!
Considerando o respeito pala diversidade, e a liberdade individual de opinião, agradeço que os comentários sejam seguidores da ética deontológica de respeito. Em que todas as pronuncias expressas por escrita não sejam viciadas de insultos, de difamações,de injúrias ou de calunias.
Paute num comentário moderado e educado, sob pena de nao sair em público