segunda-feira, 20 de Outubro de 2014

PM Domingos Simões Pereira visita três regiões do país para auscultar população

O primeiro-ministro, Domingos Simões Pereira, vai fazer visitas durante os dias 20 a 22 deste mês de Outubro, três zonas do país numa iniciativa intitulada "Governo Presente 2014", anunciou fonte governamental.

O objetivo passa por estabelecer "um contacto direto com as populações e com a realidade das regiões", refere um comunicado do Ministério da Comunicação Social.

Paulo Sanhã disse que “as críticas do PR ao poder judicial está fora do limite da ética exigível”

O Presidente do Supremo Tribunal da Justiça (STJ) disse que as “duras” críticas feitas pelo Presidente da República (PR) ao poder judicial estão “fora do limite da ética exigível nestas circunstâncias”.

Numa recente intervenção pública, Paulo Sanha qualificou as declarações como “violação das regras de coabitação, de convivência e de cooperação entre órgãos de soberania” e que fragiliza a instituição Judicial.

O Presidente do STJ apela ao bom entendimento entre os dois órgãos de poder, e acrescentou que os deveres constitucionais servem para consulta mútua e colaboração, e que constituem os princípios orientadores para a promoção da confiança tendo em vista uma melhor cooperação inter-institucional.

Na cerimónia de investidura do novo Procurador-geral a republica o chefe de estado guineense afirmou que muitos magistrados da segunda linha são ameaçados com processo de transferência para o interior caso não cumprem com orientações de um grupinho, acrescentou que o referido grupinho é também senhor e dono dos processos mais interessantes e que envolvem milhões.
ANG, 20 de Outubro de 2014

Estratégia de desenvolvimento da Guiné-Bissau vai centrar-se na biodiversidade

Estratégia de desenvolvimento da Guiné-Bissau vai centrar-se na biodiversidadeO governo da Guiné-Bissau vai colocar a biodiversidade no centro da estratégia de desenvolvimento do país que vai propor à população e parceiros internacionais nos próximos meses, anunciou o primeiro-ministro, Domingos Simões Pereira.
«A Guiné-Bissau tem coisas únicas que até hoje não estão a ser exploradas», referiu, a propósito das parcelas de território classificadas como património natural.
A ideia foi anunciada na noite de sábado num encontro com autoridades nacionais e com a comunidade internacional, em Bissau, após um retiro dos membros do governo para análise dos primeiros 100 dias de trabalho do executivo.
Diário Digital / Lusa, 20 de Outubro de 2014

sexta-feira, 17 de Outubro de 2014

Presidente Mário Vaz nomeia novos Conselheiros e Assessores

O Presidente da República, José Mário Vaz, nomeou através do Decreto Presidencial n° 45/2014, novos  conselheiros e assessores, alguns deles desempenharam cargos ministeriais no governo de Carlos Gomes Junior, deposto pelo golpe de estado de Abril de 2012.

 No referido Decreto Presidencial, datado de 16 do corrente mês, o  chefe de Estado nomeou Braima Camará, Iaia Djalo, Tcherno Djalo e Empossa Ié para as funções do Conselheiros Especiais.

Maria Adiatu Djalo Nandigna, ex-ministra da Presidência do Conselho de ministros dos Asssuntos Parlamentares e da Comunicação Social foi nomeada Conselheira para Assuntos Políticos e Diplomáticos, Fernando Mendonça,também ex-ministro da Comunicação Social foi nomeado Conselheiro e Porta-Voz da Presidência da República, António Cabral Avelino, Conselheiro para Assuntos da Defesa, Dionísio Caby, Conselheiro para Infraestruturas e Equipamento Social.

O Presidente da República nomeou ainda Indira Cabral, filha de Amílcar Cabral, Assessora para Direitos Humanos e Género, Policarpo Cabral de Almada, Assessor para Assuntos de Administração Territorial, Adulai Djamanca, Assessor para o Poder Local, Dito Max, Assessor para Assuntos da Juventude e Cesar Augusto Vieira Fernandes, Secretario Geral da Presidência da Republica.
ANG, 17 de Outubro de 2014

Equipa médica portuguesa está pronta para ajudar Guiné-Bissau a não ter ébola

Ministro dos Negócios Estrangeiros confirma existência de uma equipa que pode ir para a Guiné-Bissau se país assim o solicitar
Portugal está disposto a colaborar no apoio da comunidade internacional ao continente africano para fazer face ao vírus Ébola. E, «naturalmente», os esforços serão concentrados na África Ocidental, indicou esta sexta-feira o ministro dos Negócios Estrangeiros. Existe já uma equipa pronta para atuar na Guiné-Bissau, se aquele país assim o desejar, segundo o diretor-geral de saúde, Francisco George.

quinta-feira, 16 de Outubro de 2014

Presidente do parlamento guineense transmite mensagem ao seu homólogo angolano

O presidente do Parlamento da Guiné-Bissau, Cipriano Cassamá, transmitiu na ultima quarta-feira, em Genebra (Suíça), uma mensagem verbal ao seu homólogo angolano, Fernando da Piedade Dias dos Santos, à margem da 131ª Sessão da Assembleia Inter-parlamentar (UIP).

Governo reforça segurança em Canchungo

Governo liderado por Domingos Simões Pereira reforçou a segurança em Canchungo, região de Cachéu, norte do país, com homens, viaturas motorizadas e outros meios de trabalho da Polícia da Intervenção Rápida estacionada nesta localidade, com a finalidade de combater a crescente onda de roubo de gado bovino no local.

quarta-feira, 15 de Outubro de 2014

DSP apanhado de surpresa com a decisão da TAP

O primeiro-ministro, Domingos Simões Pereira, mostrou-se hoje surpreendido com a decisão da TAP em adiar o reinício dos voos entre Lisboa e Bissau e disse que se vai informar sobre o sucedido.

"Se a ébola invadir a Guiné Bissau Portugal torna-se mais vulnerável"

O Director Geral da Saúde reiterou no parlamento que o risco da chegada do vírus ébola a Portugal é baixo, contestando um parecer do Colégio de Saúde Pública da Ordem dos Médicos que fala de um risco relativamente elevado. Francisco George garantiu que o cenário de risco alto neste parecer "não existe hoje", uma vez que não existem casos de ébola nos PALOP.
O cenário mais imediato que levaria a uma subida do risco, disse George, seria se a epidemia entrasse na Guiné Bissau, que faz fronteira com os países afectados. "Estamos para a Guiné Bissau como os EUA estão para a Libéria, Reino Unido para a Serra Leoa e França para a Guiné Conacri", disse George. O Director Geral da Saúde adiantou que o parecer não foi discutido no colégio, ao qual pertence, e que não reúne consenso.
George defende que Portugal está preparado e que três hospitais de referência são o suficiente para as projecções feitas em Abril, de que Portugal poderia ter dois ou três casos até ao final de Outubro.
Esta questão de saúde é uma das razões do adiamento de voos de TAP que estava previsto para o próximo dia 28 Outubro, com a realização de três voos por semana, com partida de Lisboa às terças, quintas e sábados.

Jornal-i, 15 de Outubro de 2014

CPLP nomeia novo representante especial na Guiné-Bissau

O diplomata cabo-verdiano António Alves Lopes foi confirmado em reunião do Comité de Concertação Permanente do organismo lusófono, sucedendo o brasileiro Carlos Moura, designado na X Conferência de Chefes de Estado e de Governo da CPLP, realizada em Julho de 2014, em Díli (Timor Leste).
António Alves Lopes, assessor político-diplomático no Secretariado Executivo da CPLP, há mais de quatro anos, tem a missão de acompanhar, no terreno, a evolução do período pós-eleitoral na Guiné-Bissau e a promoção da articulação com outras organizações parceiras, tais como as Nações Unidas, a União Africana, a CEDEAO e a União Europeia.
Na Guiné-Bissau, o representante especial da CPLP vai ainda seguir regularmente a situação interna e a manutenção de um quadro de concertação e interacção com o governo e os parceiros internacionais e regionais sobre a assistência internacional ao processo de normalização política e institucional.
Angop, 14 de Outubro de 2014

terça-feira, 14 de Outubro de 2014

Guiné-Bissau e Moçambique participam no Festival de Cinema Africano de Córdoba

Os filmes "Mortu Nega", da Guiné Bissau, e "De Corpo e Alma", de Moçambique participam na edição 2014 do Festival de Cinema Africano de Córdoba (FCAT), que começa quarta-feira na cidade espanhola.
De 1988, a obra "Mortu Nega" é a primeira longa metragem de Flora Gomes e a primeira "docuficção" do país, debruçando-se sobre a situação da Guiné-Bissau em 1973, durante a guerra de independência.
A obra moçambicana "De Corpo e Alma" de Matthieu Bron, de 2010, conta a história de três jovens com deficiência física que vivem nos arredores de Maputo.
Cerca de 40 obras de vários países africanos integram a programação da edição não competitiva do FCAT, a que se somam várias atividades paralelas, incluindo debates, encontros, exposições e moda.
Entre 15 e 17 decorre também o Fórum da Critica de Cinema, dedicado este ano ao tema "Cinema de África nos tempos transmedia", onde participam profissionais, críticos e jornalistas culturais.
Lusa, 13 de Outubro 2014

Ano escolar abriu oficialmente nas escolas públicas da Guiné-Bissau

O primeiro-ministro da Guiné-Bissau, Domingos Simões Pereira, presidiu esta segunda feira à abertura oficial do ano letivo nas escolas públicas, anunciando uma série de reformas para a melhoria do setor de ensino.
O chefe do governo apelou à participação de todos, sindicatos, pais e encarregados de educação, alunos e parceiros, para a execução das reformas.
Domingos Simões Pereira afirmou que o Governo vai trabalhar para que todos os alunos possam ter uma peça de identificação pessoal e acesso a "pelo menos uma refeição quente diária".

segunda-feira, 13 de Outubro de 2014

Botche Candé recebe Procurador-geral da República

O ministro da Administração Interna, Botche Candé, recebeu em audiência no princípio da tarde desta segunda-feira, 13 de Outubro, o Procurador-geral da República.
No encontro esteve presente o secretário de Estado da Ordem Pública, Domenico Sanca.
À saída da reunião Hermenegildo Pereira disse à PNN que se tratou de um encontro de cortesia, para que as duas instituições possam traçar um plano trabalho e de colaboração entre o Ministério Público e o Ministério da Administração Interna. 
«Foi um encontro breve para podermos começar a traçar a linha de colaboração institucional que deve existir, tendo em conta que o Ministério Público é um órgão que investiga e precisa da força policial para o seu trabalho», disse Hermenegildo Pereira.

No que respeita ao combate à criminalidade, o Procurador-geral da República lembrou que uma das tarefas da sua instituição é o combate ao crime, pelo que é um imperativo realizar esforços conjuntos entre as duas instituições.
PNN, 13 de Outubro de 2014

10 missionários abandonam Catel com receio do Ébola

Manonitas retiraram missionários de Catel (foto D.R.)Dez missionários menonitas, movimento cristão, abandonaram a Guiné-Bissau como medida preventiva, devido ao receio de aparecimento de casos de ébola no país.
Os missionários dirigiam uma clínica em Catel, onde dizem aparecer cada vez mais pessoas para que seja despistada a doença do ébola, algo que a unidade de saúde não tem meios para realizar.
«Apesar de não haver casos resgistados de ébola na Guiné-Bissau, o contexto atual não permite controlar quem esteve ou não em contacto com o vírus», frisou a organização, com sede na Suíça, em comunicado. E promete uma reavaliação da decisão no final do ano.
A Bola, 13 de Outubro de 2014

MNE timorense em Portugal para discutir Guiné-Bissau com CPLP

Image result for José Luís GuterresO chefe da diplomacia de Timor-Leste, José Luís Guterres em Lisboa para uma reunião com o secretário-executivo da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP), Murade Murargy, sobre a Guiné-Bissau.
No encontro, José Luís Guterres vai discutir a realização da próxima reunião extraordinária do Conselho de Ministros da CPLP, a realizar no próximo dia 29, refere em comunicado o Ministério dos Negócios Estrangeiros timorense.
"Vamos discutir o processo de estabilização política e institucional da Guiné-Bissau, designadamente a coordenação diplomática à assistência financeira do Programa de Urgência do Governo da Guiné-Bissau, bem como o apoio técnico à reforma do setor de defesa e segurança", refere, citado no comunicado, José Luís Guterres.
Visão, 13 de Outubro de 2014