terça-feira, 16 de janeiro de 2018

DEMISSÃO ACEITE PELO JOSÉ MÁRIO VAZ


José Mario Vaz acabou de aceitar o pedido de demissão formulado pelo Umaro Sissoco Embaló e em consequência, saiu o decreto Presidencial da sua exoneração.

Numa altura em que  o colectivo dos paridos políticos democráticos tornou claro que não vai aceitar um outro primeiro-ministro que não seja Augusto Olivais.
Nuno Nabian o porta-voz do coletivo, falava durante uma conferência de imprensa  para lembrar ao presidente do fim de prazo estipulado pela CEDEAO para cumprir o acordo de Conacri.

«O presidente da Republica tem que ter a coragem de dizer basta aos 15 deputados expulsos do PAIGC e o Partido da Renovação Social em nome de estabilidade porque nomear qualquer outra pessoa é só problema que José Mário Vaz vai-nos trazer. Nós do colectivo dos partidos políticos não vamos aceitar nomeação de qualquer pessoa que não seja Augusto Olivais”, avisa.


Sem comentários:

Publicar um comentário

ATENÇÃO!
Considerando o respeito pala diversidade, e a liberdade individual de opinião, agradeço que os comentários sejam seguidores da ética deontológica de respeito. Em que todas as pronuncias expressas por escrita não sejam viciadas de insultos, de difamações,de injúrias ou de calunias.
Paute num comentário moderado e educado, sob pena de nao sair em público