terça-feira, 18 de fevereiro de 2020

A CNE reafirma que já não há mais nada a fazer relativamente às eleições guineenses     
A CNE reafirma que já não há mais nada a fazer relativamente às eleições guineenses

A Comissão Nacional de Eleições da Guiné-Bissau voltou a dizer que já esgotou as suas competências no que diz respeito ao processo eleitoral e que não pode cumprir o último Acórdão do Supremo Tribunal de Justiça.

A Carta da CNE dirigida ao Representante, no país, da Comunidade dos Estados da África Ocidental, CEDEAO, na qual o órgão da administração eleitoral diz que o último Acórdão do Supremo Tribunal, que voltou a insistir no apuramento nacional dos resultados, pode "pôr em causa a integridade do processo eleitoral".

Sem comentários:

Publicar um comentário

ATENÇÃO!
Considerando o respeito pala diversidade, e a liberdade individual de opinião, agradeço que os comentários sejam seguidores da ética deontológica de respeito. Em que todas as pronuncias expressas por escrita não sejam viciadas de insultos, de difamações,de injúrias ou de calunias.
Paute num comentário moderado e educado, sob pena de nao sair em público