sexta-feira, 15 de julho de 2016

CONFRONTO ENTRE ANIMAIS SELVAGENS E HUMANOS NO SUL DO PAÍS FAZ FERRIDOS    

Parece um entretenimento mas é realidade.
Os macacões semelhantes a simpanzés vulgarmente conhecidos na Guiné por “Dari”, atacaram três crianças que foram apanhar fole na floresta da aldeia de Missira, sector de Empada região de Quinara, Sul do país, tendo ferido um dedo da mão da criança mais nova, e outro no pé. 
Os menores foram socorridos de mediato graças a intervenção de um familiar que caminhava na zona onde decorreu o confronto entre animais e humanos. Com tudo, Nenhum corre perigo de vida
De igual modo, no mês de maio deste ano, num outro conflito, uma rapariga foi atacada gravemente ao ponto de ficar sem uma orelha, acabou por internar no Hospital Nacional Simão Mendes em Bissau.  
A origem dos incessantes ataques dos animais ainda carece de averiguação pelas autoridades ambientais da Guiné-Bissau.
Rispito.com/Lai Balde-correpondente, 15-07-2016

Sem comentários:

Publicar um comentário

ATENÇÃO!
Considerando o respeito pala diversidade, e a liberdade individual de opinião, agradeço que os comentários sejam seguidores da ética deontológica de respeito. Em que todas as pronuncias expressas por escrita não sejam viciadas de insultos, de difamações,de injúrias ou de calunias.
Paute num comentário moderado e educado, sob pena de nao sair em público