quinta-feira, 15 de junho de 2017

Guiné-Bissau apoia esforços da Arábia Saudita contra terrorismo

O Governo da Guiné-Bissau declarou hoje que apoia os esforços da Arábia Saudita na luta contra o terrorismo e o radicalismo islâmico e exortou os países do Golfo a dialogarem para preservar a paz na região.
Guiné-Bissau apoia esforços da Arábia Saudita contra terrorismoEm comunicado divulgado à imprensa, o executivo guineense afirma que apoia "de forma firme e inequívoca" os esforços da Arábia Saudita, Bahrein e dos Emirados Árabes Unidos, na luta contra o financiamento do terrorismo e do radicalismo.
Bissau reafirma a sua condenação, "de forma veemente", a todas as formas de extremismo, de intolerância e de exclusão e reitera o compromisso com a paz, tolerância e coexistência pacífica, por acreditar serem os únicos caminhos para construção de um mundo para todos.
O governo guineense convida ainda "os irmãos" da Arábia Saudita, Emirados Árabes Unidos, Bahrein e do Qatar para que elejam o diálogo e a cooperação com vista a encontrarem uma solução rápida que preserve a paz e a reconciliação "tão necessária" no golfo pérsico.
Desde 05 de junho que o Golfo está mergulhado numa grave crise diplomática que irrompeu quando a Arábia Saudita, os Emirados Árabes Unidos e o Bahrein, países vizinhos do Qatar, mas também o Egito e o Iémen, romperam relações diplomáticas com Doha, que acusam de apoiar o terrorismo.
Os três países do Golfo também fecharam as suas fronteiras terrestres e marítimas com o pequeno emirado e impuseram restrições à companhia aérea nacional do Qatar.
Rispito.com/Lusa, 15-06-2017

Sem comentários:

Publicar um comentário

ATENÇÃO!
Considerando o respeito pala diversidade, e a liberdade individual de opinião, agradeço que os comentários sejam seguidores da ética deontológica de respeito. Em que todas as pronuncias expressas por escrita não sejam viciadas de insultos, de difamações,de injúrias ou de calunias.
Paute num comentário moderado e educado, sob pena de nao sair em público