segunda-feira, 9 de julho de 2018

Affaire do “cheque de 500’000’000,00

Ainda acerca do affaire do “cheque de 500’000’000,00 (quinhentos milhões) de F CFA’s”–Uma novidade!

Segue cá em baixo, uma nova info tudo bem fresca; uma novidade interessante. Uma peça testemunha na qual se explica aPROVENIÊNCIA e a CAMINHADA seguida pelo “cheque de 500’000’000,00 (quinhentos milhões) de F CFA’s” (=763’358,78 EUR à 655,00 F CFA/EUR) atéchegar ao Palácio da República da Guiné-Bissau. Lembre-se, o cheque entregue aí, no dia 02 de Junho de 2016, com pompas etambores na presença dos órgãos da comunicação social e segundo estes, pelo nosso S. Exa. So Presi, Dr. JOMAV, ao seu então recém-nomeado Premiê Baciro Djá. Nomeadoinconstitucionalmente, no dia 26 de Maio deste mesmo ano. 


Se tudo contido nesta peça vir confirmar-se de muito certo tal e qual e talvez muito mais do que isso, faltarão (e/ou faltam) doravante ainda, apenas as infos sobre o PARADEIRO deste cheque.

E acerca disto, sobre o PARADEIRO deste muito dinheiro, tudo está bem claro. Partindodo filtrado desde a data antes referida até aqui, neste affaire, à opinião pública nacional e internacional, a bola está agora doravante apenas unicamente no campo dos nossos dois concidadãos: (1) o nosso S. Exa. So Presi, Dr. JOMAV e, (2) seu Ex So Premiê, Baciro Djá. É e cabe a estes dois explicar de agora em diante!, ao povo bissau-guineense!, do PA-RA-DEI-RO, deste cheque. De maneira séria! Mas bem séria! Não à moda do pingue-pongue de “entreguei-lhe/não me devolveu”, parada por estes dois concidadãos até aqui na nossa praça pública neste affaire. 

Eis no seguinte a referida peça. 

«Julio Mamadu Balde <juliomamadubalde@gmail.com>
À :abikeita@yahoo.fr
‎Date: 29‎ ‎juin 2018 à ‎16‎:‎47

Mr Julio BALDE
Ex Secretaire General AGC

Lieber Freund.
Li o teu artigo sobre o cheque dos Quinhentos Milhões. Muito pertinente as tuas questões. Vielen Dank.  Somente gostaria de te informar que aqueles fundos vieram de bonus de assinatura para a concessão de uma licença de prospeção que se efectou com uma empresa Petrolífera denominado Impact Oil. Era na ordem de Dois Mil Milhões. Sob a decisão do Presidente da Alta Autoridade Presidente Macky Sall, foi instruida a AGC de retroceder este valor aos dois Estados; nomeadamente  para Senegal e Guiné-Bissau, aplicando logicamente de uma forma indicativa a chave de partilha 15% e 85%. Entretanto numa audiência com o Presidente Sall ele acordou de não seguir rigorosamente as proporções porcentuais, autorizando deste modo que a Guiné-Bissau recebesse os Quinhentos Milhões e Senegal 1.5 Mil Milhões. Foi neste ambiente que a AGC informou ao Presidente Jomav sobre esta decisão. Ele na qualidade do Vice Presidente da Alta Autoridade da AGC, instruiu que o montante destinado para a Guiné-Bissau fosse libelado em nome do Ministério da Economia e Finanças e que posteriormente iria indicar ao governo o destino da verba. Aguardamos oito meses, repentinamente fomos chamados eu e o Administrador da Agencia que è da nacionalidade senegalesa para trazer em o em cheque a verba da Guiné-Bissau. Uma vez no Palácio da República em Bissau a nossa delegação foi supreendida com a cerimónia publica da remissão do cheque e na mesma altura com a instrução do PR que o dinheiro iria ser utilizado para a construção da Avenida João Bernardo Vieira. Somente para informar que o Secretário Geral da Agência não tem competência para decidir sobre a retrocessao das verbas da Agência para os Estados. Isto è da exclusiva responsabilidade dos chefes de Estado. Agora como foram utilizados os fundos cabe o Estado da Guiné-Bissau informar o publico que presenciou através da Comunicação social o acto da entrega do cheque . Portanto é injusto pensar que o Secretário Geral na altura trouxe Quinhentos Milhões para seduzir o Presidente.

Espero poder esclarecer a duvida, e […].
Viele liebe grusse.
Julio Balde»

Obrigado lieber Freund,Sr. Júlio Baldé, Ex-secretário Geral AGC. Ich bin richtig erleichtert. Danke.E obrigado a todos vós leitoras/leitores destas linhas. 

Pela honestidade intelectual. 
Por uma Guiné-Bissau de Homem Novo (Mulheres e Homens), íntegro, idôneo e, pensador com a sua própria cabeça. Incorruptível!
Que reine o bom senso.  
Amizade. 
A. Keita

PS.: Para mais info neste assunto, consultar:
http://www.rispito.com/2018/06/pr-se-auto-denunciou-no-seu-balanco-de.html#more, acessado, 28.06.2018;http://guine endade.blogspot.com/2018/06/opiniaos-exa-so-presi-dr-jomav-se.html, acessado, 28.06.2018; ou, http://paginaglobal.blogspot.com/2018/06/ guine-bissau-avenida-joao-bernardo, acessado, 29.06.2018.
OBS: Todas as ideias aqui transcritas são da inteira responsabilidade do seu titula (autor)

Sem comentários:

Publicar um comentário

ATENÇÃO!
Considerando o respeito pala diversidade, e a liberdade individual de opinião, agradeço que os comentários sejam seguidores da ética deontológica de respeito. Em que todas as pronuncias expressas por escrita não sejam viciadas de insultos, de difamações,de injúrias ou de calunias.
Paute num comentário moderado e educado, sob pena de nao sair em público