quarta-feira, 17 de abril de 2019

Professores guineenses apresentam pré-aviso de greve para maio

Os três sindicatos de professores da Guiné-Bissau apresentaram mais um pré-aviso de greve para próximo mês de Maio para exigir o cumprimento do acordo assinado com o Governo.

"O Governo só cumpriu com um dos pontos que foi a publicação da revisão do estatuto de carreira docente no Diário Oficial (equivalente ao Diário da República) ", disse o porta-voz dos três sindicatos, Bungoma Duarte Sanha.

Segundo o porta-voz, os professores pretendem realizar a nova greve em dois períodos, nomeadamente entre a 07,08 e 09 de maio e a 14,15 e 16 de maio.

Os professores guineenses estiveram em greve entre Outubro e o início de Janeiro e milhares de alunos perderam o primeiro período do ano letivo.

A greve foi retomada em Março, mas os três sindicatos decidiram pela sua suspensão para dar o "benefício da dúvida" ao Governo para cumprir o acordo assinado e depois de ter sido publicado em Boletim Oficial a revisão do estatuto de carreira docente.

Os professores exigem também o pagamento de dívidas salariais acumuladas desde 2003.
Rispito.com/Lusa,17-04-2019

Sem comentários:

Publicar um comentário

ATENÇÃO!
Considerando o respeito pala diversidade, e a liberdade individual de opinião, agradeço que os comentários sejam seguidores da ética deontológica de respeito. Em que todas as pronuncias expressas por escrita não sejam viciadas de insultos, de difamações,de injúrias ou de calunias.
Paute num comentário moderado e educado, sob pena de nao sair em público