terça-feira, 30 de julho de 2019

Rosine Sori-Coulibaly é a nova representante do secretário-geral da ONU para a Guiné-Bissau

A imagem pode conter: 1 pessoa, chapéu, texto e closeup
O Secretário-Geral das Nações Unidas, António Guterres, anunciou a nomeação de Rosine Sori-Coulibaly do Burkina Faso como sua nova Representante Especial para a Guiné-Bissau e Chefe do Gabinete Integrado das Nações Unidas para a Construção da Paz na Guiné-Bissau (UNIOGBIS).
Ela sucede José Viegas Filho do Brasil, que completou a sua missão no dia 18 de Maio de 2019. O Secretário-Geral agradece a liderança do Sr. Viegas Filho na UNIOGBIS durante o seu mandato.

Tendo servido recentemente como Ministra da Economia, Finanças e Desenvolvimento no seu país de origem (2016-2019), Sori-Coulibaly traz para esta posição mais de 35 anos de experiência internacional e nacional no campo do desenvolvimento sustentável e humanitário, transição política, redução da pobreza, reformas fiscais e orçamentais, igualdade de gênero e empoderamento das mulheres.

Ela serviu mais de 20 anos nas Nações Unidas em várias funções a nível sénior, nomeadamente como Representante Especial Adjunta do Secretário-Geral no Burundi, Coordenadora Residente, Coordenadora Humanitária e Representante Residente do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) (2011). Foi Coordenadora Residente e Representante Residente do PNUD no Togo (2006-2011) e no Benim (2014-2016).

Antes de se juntar ao PNUD, a Sra. Sori-Coulibaly ocupou cargos de conselheira no seu país de origem, incluindo no Ministério do Desenvolvimento Económico e Planeamento (1982-1990). Ela foi um membro ativo em organizações da sociedade civil, em particular aquelas que lutam pelos direitos humanos e pelo empoderamento das mulheres.

É mestre em economia do desenvolvimento pela Universidade Cheikh Anta Diouf do Senegal e pós-graduada em planeamento e macroeconomia pelo Instituto Africano de Desenvolvimento e Planeamento Econmico das Nações Unidas.
Rispito.com/ONU, 30-07-2019

Sem comentários:

Publicar um comentário

ATENÇÃO!
Considerando o respeito pala diversidade, e a liberdade individual de opinião, agradeço que os comentários sejam seguidores da ética deontológica de respeito. Em que todas as pronuncias expressas por escrita não sejam viciadas de insultos, de difamações,de injúrias ou de calunias.
Paute num comentário moderado e educado, sob pena de nao sair em público