sexta-feira, 8 de novembro de 2019

Tentativas de instrumentalização política!
A imagem pode conter: 5 pessoas, pessoas em pé e ar livre
A confirmação oficial de tentativas de instrumentalização das forças de defesa e segurança, como arma de arremesso político, para a execução de decretos presidenciais manifestamente ilegais e absurdos, tornadas públicas pelo próprio Presidente da República Dr. José Mário Vaz, num comício popular, consubstanciam numa afronta a democracia e valores que o enformam.

Nos últimos anos, as forças de defesa e segurança assumiram posturas de neutralidade face as disputas político partidárias, provando o caráter republicano que lhe é inerente, apesar de várias tentativas de as implicarem na definição do rumo político do país.
É triste, vergonhoso e lamentável acompanhar a confissão pública de pressões indevidamente exercidas contra as forças de defesa e segurança da parte de quem tem a obrigação constitucional de apoiar e incentivar as suas completas submissões ao ditames da lei.
Não nos resta outra alternativa a não ser agradecer e felicitar, a lealdade, a coragem e forte compromisso com o país e as suas instituições democráticas, demonstrado pelas forças de defesa e segurança.
Que Deus abençoe os guineenses!
Que a paz, democracia e direitos humanos perpetuem na Guiné-Bissau!

Sem comentários:

Publicar um comentário

ATENÇÃO!
Considerando o respeito pala diversidade, e a liberdade individual de opinião, agradeço que os comentários sejam seguidores da ética deontológica de respeito. Em que todas as pronuncias expressas por escrita não sejam viciadas de insultos, de difamações,de injúrias ou de calunias.
Paute num comentário moderado e educado, sob pena de nao sair em público