segunda-feira, 6 de junho de 2016

Lideres religioso reúnem com os membros do Governos barricados no palácio do Governo 

O Bispo de Bissau e alguns líderes religiosos transportados em duas viaturas, encontram-se neste momento reunidos com os membros do Governos barricados no palácio do Governo.
Com tudo, a Guarda Nacional (GN) continua impedindo a entrada de pessoas no interior das instalações.

Enquanto isto, Os dirigentes do PAIGC, alguns combatentes da liberdade da partia barricaram-se em frete do palácio do Governo, numa tenda, apelando à mobilização geral dos dirigentes, militantes, as organizações sociopolíticas, nomeadamente a JAAC, UDEMU e CONQUATSA a no sentido de defenderem de forma conjunta e patriótica a paz e a democracia na Guiné-Bissau. Por isso, são convocados todos os guineenses amantes da paz e da estabilidade a aderirem a uma jornada de luta contra a prepotência e tirania, manifestando-se diante do Palácio do Governo contra aquilo que chamam de “mando do Senhor Presidente da República, enquanto chefe do grupo que pretende instaurar um regime de ditadura pela via da força, não está deixando entrar ninguém nos recintos do Palácio do Governo. 

O apelo está sendo cumprido, encontram-se no local muitas pessoas a exigirem a “reposição da ordem constitucional quebrada pelo Presidente Mário Vaz.” 
As fontes fidedignas dão conta que, os membros do Governo barricados no Palácio governamental serão forçados a desocuparem o local o mais tardar até terça-feira, 07 de junho. A ver vamos!   


O Bispo de Bissau e alguns líderes religiosos transportados em duas viaturas, encontram-se neste momento reunidos com os membros do Governos barricados no palácio do Governo.
Com tudo, a Guarda Nacional (GN) continua impedindo a entrada de pessoas no interior das instalações.

Enquanto isto, Os dirigentes do PAIGC, alguns combatentes da liberdade da partia barricaram-se em frete do palácio do Governo, numa tenda, apelando à mobilização geral dos dirigentes, militantes, as organizações socio-políticas, nomeadamente a JAAC, UDEMU e CONQUATSA a no sentido de defenderem de forma conjunta e patriótica a paz e a democracia na Guiné-Bissau. Por isso, são convocados todos os guineenses amantes da paz e da estabilidade a aderirem a uma jornada de luta contra a prepotência e tirania, manifestando-se diante do Palácio do Governo contra aquilo que chamam de “mando do Senhor Presidente da República, enquanto chefe do grupo que pretende instaurar um regime de ditadura pela via da força, não está deixando entrar ninguém nos recintos do Palácio do Governo. 

O apelo está sendo cumprido, encontram-se no local muitas pessoas a exigirem a “reposição da ordem constitucional quebrada pelo Presidente Mário Vaz.” 
As fontes fidedignas dão conta que, os membros do Governo barricados no Palácio governamental serão forçados a desocuparem o local o mais tardar até terça-feira, 07 de Junho.
Rispito.com/Lai Baldé-correspondente, 06-06-16

Sem comentários:

Publicar um comentário

ATENÇÃO!
Considerando o respeito pala diversidade, e a liberdade individual de opinião, agradeço que os comentários sejam seguidores da ética deontológica de respeito. Em que todas as pronuncias expressas por escrita não sejam viciadas de insultos, de difamações,de injúrias ou de calunias.
Paute num comentário moderado e educado, sob pena de nao sair em público