terça-feira, 9 de agosto de 2016

TRABALHADORES DA OGANGE-BISSAU EM GREVE 


Os Trabalhadores da empresa de Telecomunicações Orange-Bissau iniciaram esta terça-feira 09 de agosto e durante três dias, uma greve geral exigindo o aumento salarial.
A paralisação é decretada pelo Sindicato de Base dessa empresa da rede móvel que recorda que o pré-aviso da greve foi entregue desde o dia 25 de julho, mas até ao momento não receberam nenhuma resposta do patronato.  
O Porta-voz dessa organização sindical, considera de miserável o salário que auferem, sublinhando que Orange Bissau é o líder no mercado de telecomunicações do país, mas existe desmesurada disparidade salarial ao nível dos funcionários. “Entre os funcionários das empresas de Telecomunicações do país, nós da Orange-Bissau somos os mais os mais desgraçados.” 
Alberto Djatá indica que os salários que recebem é a metade dos outros funcionários das empresas de telecomunicações do país, por isso solicitam a direcção que trabalhe para que os seus ordenados sejam comparados aos outros da sub-região, o pagamento dos subsídios escolar para seus filhos e de habitação.
Rispito.com/Lai Baldé-correspondente, 09/08/216

Sem comentários:

Publicar um comentário

ATENÇÃO!
Considerando o respeito pala diversidade, e a liberdade individual de opinião, agradeço que os comentários sejam seguidores da ética deontológica de respeito. Em que todas as pronuncias expressas por escrita não sejam viciadas de insultos, de difamações,de injúrias ou de calunias.
Paute num comentário moderado e educado, sob pena de nao sair em público