quarta-feira, 11 de outubro de 2017

Senegal quer apoio para integrar Conselho dos Direitos Humanos da ONU

Sidiki Kaba MNE do Senegal
Em declarações aos jornalistas no final de um encontro com o primeiro-ministro guineense, Umaro Sissoco Embaló, o chefe da diplomacia senegalesa explicou que foi pedir o apoio da Guiné-Bissau para o Senegal integrar aquele conselho da ONU e no âmbito das boas relações entre os dois povos e países.

Sidiki Kaba, que também se encontrou com o presidente guineense, José Mário Vaz, prometeu também continuar a defender a política de diplomacia económica e de boa vizinhança entre o Senegal e a Guiné-Bissau.
O chefe da diplomacia senegalesa iniciou segunda-feira um périplo por vários países da região, incluindo Mali, Guiné-Bissau, Gâmbia, Guiné-Conakry, Cabo Verde e Mauritânia.

Sidiki Kaba viaja a 16 de Outubro para Nova Iorque, para defender na Assembleia-Geral da ONU a candidatura do Senegal ao Conselho dos Direitos Humanos.
Rispito.com/Lusa, 11-10-2017

Sem comentários:

Publicar um comentário

ATENÇÃO!
Considerando o respeito pala diversidade, e a liberdade individual de opinião, agradeço que os comentários sejam seguidores da ética deontológica de respeito. Em que todas as pronuncias expressas por escrita não sejam viciadas de insultos, de difamações,de injúrias ou de calunias.
Paute num comentário moderado e educado, sob pena de nao sair em público