quarta-feira, 8 de abril de 2020

Declaração Secretário-Geral sobre a COVID-19

Antonio Guterres - latest news, breaking stories and comment - The ...A pandemia da Covid-19 é um dos desafios mais perigosos que o mundo enfrentou no nosso tempo. É acima de tudo uma crise humana com graves consequências para a saúde e socioeconómicas.

A Organização Mundial da Saúde, com os seus milhares de funcionários, está na linha de frente, apoiando os Estados Membros e suas sociedades, especialmente as mais vulneráveis, com orientação, formação, equipamento e serviços concretos de salvamento, enquanto combatem o vírus.

Testemunhei em primeira mão a coragem e determinação dos funcionários da OMS quando visitei a República Democrática do Congo no ano passado, onde os funcionários da OMS estão a trabalhar em condições precárias e em locais remotos muito perigosos enquanto combatem o mortal vírus do Ebola. Foi um sucesso notável para a OMS que não há registo de novos casos de Ébola há meses.

É a minha convicção que a Organização Mundial da Saúde deve ser apoiada, pois é absolutamente crítico para os esforços do mundo para vencer a guerra contra o Covid-19.

Este vírus não tem precedentes na nossa vida e requer uma resposta sem precedentes. Obviamente, nessas condições, é possível que os mesmos factos tenham tido leituras diferentes por entidades diferentes. Quando finalmente virarmos a página sobre esta epidemia, é preciso um tempo para olharmos para trás, para entendermos como essa doença surgiu e espalhou a sua devastação tão rapidamente em todo o mundo, e como todos os envolvidos reagiram à crise. As lições aprendidas serão essenciais para enfrentar efetivamente desafios semelhantes, pois eles podem surgir no futuro.

Mas agora não é a hora. Agora é a hora da unidade, para a comunidade internacional trabalhar em conjunto, em solidariedade, para impedir esse vírus e as suas consequências devastadoras.
Nova York, 8 de abril de 2020

Sem comentários:

Publicar um comentário

ATENÇÃO!
Considerando o respeito pala diversidade, e a liberdade individual de opinião, agradeço que os comentários sejam seguidores da ética deontológica de respeito. Em que todas as pronuncias expressas por escrita não sejam viciadas de insultos, de difamações,de injúrias ou de calunias.
Paute num comentário moderado e educado, sob pena de nao sair em público