sexta-feira, 1 de maio de 2020

COVID-19: Casos da doença ascendem a 257 na Guiné-Bissau

BissauAs autoridades da Guiné-Bissau informaram a existência de mais 52 casos do novo coronavírus nas últimas 24 horas, o que significa que o país tem 257 pessoas infetadas. 
O Centro de Operações de Emergência em Saúde anuncia que entre os infectados está o Ministro da Saúde Pública, António Deuna que é também Presidente da Comissão Interministerial de Combate a COVID-19. Contabilizam-se 5 membros do governo já infectados, nomeadamente, o Primeiro-ministro, Ministros da Saúde e do Interior, Secretários de Estado da Ordem Pública, e do Plano e Integração Regional.

É o nono país com mais casos da Covid-19 na África Ocidental, depois do Gana, Nigéria, Guiné-Conacri, Costa do Marfim, Senegal, Níger, Burkina Faso e Mali.

“O Laboratório Nacional de Saúde analisou 94 amostras, 52 deram positivo, 30 deram negativo e 12 foram inconclusivas”, afirmou Tumane Baldé, porta-voz do Centro de Operações de Emergência de Saúde (COES), na conferência diária sobre a situação da pandemia, nesta sexta-feira, 1.

Ele acrescentou que há 19 recuperados e um morto.

Recorde-se que na terça-feira, 28, o ministro da Saúde, António Deuma, revelou que o Chefe do Governo, Nuno Gomes Nabian, estava infetado, bem como três membros do executivo.

No dia seguinte, o próprio Nabian confirmou na sua página no Facebook a informação, acrescentando que estava bem e em casa.

A Guiné-Bissau tem em vigor o estado de emergência até o dia 11 de maio.
Rispito.com/VOA, 01-05-2020

Sem comentários:

Publicar um comentário

ATENÇÃO!
Considerando o respeito pala diversidade, e a liberdade individual de opinião, agradeço que os comentários sejam seguidores da ética deontológica de respeito. Em que todas as pronuncias expressas por escrita não sejam viciadas de insultos, de difamações,de injúrias ou de calunias.
Paute num comentário moderado e educado, sob pena de nao sair em público