segunda-feira, 19 de outubro de 2020

Jose Maria Pereira Neves visitou memorias do passado em Conacri

Foi um momento de enorme emoção para mim
Estive, hoje de manhã, no antigo Secretariado do PAIGC em Conakry, onde hoje funciona a Embaixada da Guiné Bissau.

Visitei a Casa onde residiu Amílcar Cabral, pude ver a réplica do seu carro e da sua cama, e estive no preciso lugar onde foi assassinado.

Em companhia do Embaixador da Guiné Bissau e do Representante da CEDEAO na República da Guiné Conakry, conheci, ainda, a Sala de Trabalho de Aristides Pereira e a sua antiga residência.

Pude constatar o grau de degradação do espaço e a grandeza do património material do PAIGC em Conakry. Muito já se perdeu. Urge requalificar o espaço e homenagear os homens grandes das duas Pátrias irmãs que juntos lutaram pela independência.

Estes dias em Conacry, pude perceber ainda mais nitidamente a grandiosidade da Obra de Amílcar Cabral e do PAIGC e a importância do patrimonio material e imaterial da luta de libertação nacional.

Do Presidente da República ao mais comum do Cidadão, o exemplo de Amílcar Cabral e dos seus companheiros de luta está bem presente na memória de todos.

Só por isso, valeu a pena esta deslocação, em tempos assaz difíceis de pandemia e de instabilidade...

Sem comentários:

Publicar um comentário

ATENÇÃO!
Considerando o respeito pala diversidade, e a liberdade individual de opinião, agradeço que os comentários sejam seguidores da ética deontológica de respeito. Em que todas as pronuncias expressas por escrita não sejam viciadas de insultos, de difamações,de injúrias ou de calunias.
Paute num comentário moderado e educado, sob pena de nao sair em público