sexta-feira, 26 de fevereiro de 2021

NOVAS CHEFIAS MILITAR TOMAM POSSE

Quando correm rumores sobre um suposto "golpe de Estado" na Guiné- Bissau, o Presidente Umaro Sissoco Embaló efectuou mudanças nas chefias militares, os quais tomaram posse esta quarta-feira 24 de Fevereiro.

O Brigadeiro-General Dinis Incanha, sobrinho do Chefe de Estado Maior General das Forças Armadas, Biagué Na Ntan, tomou posse como Chefe da Casa Militar da Presidência da República, substituindo o Brigadeiro-General António Abel. 
O Comodoro Victorino Tegba foi nomeado Vice-Chefe do Estado Maior da Armada, também tomou posse esta quarta-feira. Após um impasse e debates internos para a substituição de lbraima Papa Camará, exonerado de Chefe do Estado Maior da Força Aérea, a sua função passou a ser assumida pelo Major General Joaquim Filinto Silva Ferreira, que terá como "vice" o Brigadeiro General Mama Saliu Embaló, o qual deixa as suas funções na Contra Inteligência Militar.

Ibraima Papa Camará passa a assumir a presidência do Instituto da Defesa Nacional, que segundo algumas fontes "é um cargo de fim de carreira"
Rispito.com/e-Global, 26-02-2021

Sem comentários:

Publicar um comentário

ATENÇÃO!
Considerando o respeito pala diversidade, e a liberdade individual de opinião, agradeço que os comentários sejam seguidores da ética deontológica de respeito. Em que todas as pronuncias expressas por escrita não sejam viciadas de insultos, de difamações,de injúrias ou de calunias.
Paute num comentário moderado e educado, sob pena de nao sair em público