sábado, 13 de fevereiro de 2016

“GUINÉ-BISSAU LIVRE DE ZICA MAS VULNERÁVEL A ESSA DOENÇA”

A ministra da Saúde Pública anunciou que a Guiné-Bissau ainda não tem o vírus Zica mas é um país de risco a essa doença devidas as vulnerabilidades das fronteiras aéreas, marítimas e terrestre com alguns países que têm registados casos do mosquito transmissor do Zica.
Cadi Seide que falava sexta-feira à imprensa, garantiu todas as medidas estão a ser tomadas com outros membros do Governo por forma a retomar a campanha de limpeza nos bairros ao nível nacional, com vista a afastar qualquer doença que possa aparecer no país.
Recordamos que o Governo da Guiné-Bissau considera em comunicado de Conselho de Ministros do dia 04 deste mês, Zica na lista de doenças com potencial epidémico na Guiné-Bissau. Por isso, o coletivo governamental instruiu a Secretaria de Estado dos Transportes e Comunicações no sentido de adotar as medidas adequadas e recomendáveis para a prevenção da epidemia do Zica na Guiné-Bissau.
Rispito.com/Lai Baldé-correspondente, 13-02-2016

Sem comentários:

Publicar um comentário

ATENÇÃO!
Considerando o respeito pala diversidade, e a liberdade individual de opinião, agradeço que os comentários sejam seguidores da ética deontológica de respeito. Em que todas as pronuncias expressas por escrita não sejam viciadas de insultos, de difamações,de injúrias ou de calunias.
Paute num comentário moderado e educado, sob pena de nao sair em público