domingo, 15 de maio de 2016

Mãe e filho queimados com gasolina em Bissau acabaram de morrer

A mãe e filho queimados com gasolina num pleno sono na residência no bairro de São Paulo em Bissau acabaram por falecer e os restos mortais da mãe foram enterrar domingo 15 de maio, na aldeia de “Breni Papel de Bás”, dista a cerca de dez km a cidade de Bissau.

O menor de sete anos foi o primeiro a morrer e sepultado em São Paulo, cinco dias depois a mãe acabou com o mesmo destino perdendo a vida pela rival se encontra num estado de desespero. 

Tudo aconteceu por volta de 23 horas, quando uma mulher da nacionalidade da Guiné-Conacri de nome Djenabo Dajló atirou gasolina e ateou fogo contra mãe e filho, bloqueou as portas e janelas, pelo fato de ciúmes de que a vitima namorava com o seu marido supondo que estaria na eminencia de perder o casamento a favor da vitima mortal.

A malograda Tchambú Sambú era casada divorciada com dois maridos, mãe de quatro filhos dos quais, um já morto na mesma semana com ela e nas mesmas circunstância
Rispito.com/Lai Balde-correspondente, 15-05-2016

Sem comentários:

Publicar um comentário

ATENÇÃO!
Considerando o respeito pala diversidade, e a liberdade individual de opinião, agradeço que os comentários sejam seguidores da ética deontológica de respeito. Em que todas as pronuncias expressas por escrita não sejam viciadas de insultos, de difamações,de injúrias ou de calunias.
Paute num comentário moderado e educado, sob pena de nao sair em público