terça-feira, 4 de outubro de 2016

OS 15 CONFIRMA BREXIT COM PAIGC 

Definitivamente, qualquer que seja resultado de diálogo para reconciliação do PAIGC com os 15 ( que já não aconteceu no primeiro dia) não definha este artigo.

Num ato de megalomania, os apelidados dos 15 ,driblam convite de diálogo, todavia ,acabam por confirmar BREXIT com PAIGC de onde foram expulsos ,mais por este andar , fica cristalino que subversivos estão com muitos BOTCHÉS dentro do partido ,por isso estão  confiantes e decididos nos seus anseios ,mas ,essa confusão leva a uma deprimente conclusão: 

Mais uma vez o diálogo foi relegado para plano Z , e desta vez , não por culpa do PAIGC que vivia apregoando que não vai sentar com 15 e davam  muros nas mesas ,as vezes não compareciam em reuniões  ,todavia ,repensou a sua posição radical que foi prontamente criticado por nós, e vamos ter amabilidade de o fazer com quem declina o diálogo 

Ora ,já foi dito e debatido em diferentes fóruns, que diálogo é única via para saída desse salada de Indochina ,mas prevejo algo a mais: toda intolerância e arrogância dos avessos demonstra clara ambição pessoal e sem compromisso com povo. ponto 

Se o presidente dos libertadores ergue um dístico mesmo com ares de esperteza saloio ,ao  tentar juntar o PAIGC e findar a briga fratricida;  é um sinal plausível ,porem,  os 15 acham que pode ser mais um embuste , logo a prosa do PAIGC não convence os subversivos expulsos,  que estão no mo de cima porque são eles que governam , já agora, ninguém entende estratégia desse novo empreitada dos 15 (além de exigir cabeça do Domingos ), no entanto ,negar negociar com próprio partido é consumação definitiva  do BREXIT

Os 15 com direito de juntar com quem se quer, já que foram expulsos , valeu lhe hoje uma governação é claro patrocinado por PRS que sempre destila com avidez de açambarcar tachinha, já que mostrou claramente que não tem bagagem de assumir o país, mesmo com circunstâncias permitindo,prefere andar nos governos par-times, entretanto, os meandros e melindres do PRS está na questão de maturidade política,  a sua entrada é saída neste crise deixa muito a desejar, por estas e outras o recurso sistemático a PAIGC é vista como mal-menor , mesmo sendo ele criador de crises e razão de atraso de país (... )

O PAIGC foi mais espartano nessa crise , muitas das vezes promete vitórias na briga intestinal , mas o xeque-mate não será coisa ócio, quiçá impossível, melhor é fazer política e pautar pelo diálogo e o fez ,mesmo sendo um ato cínico, mais tentou , agora o austero é os 15 por causa da sua intransigência , razão para perguntar :onde está o amor pátrio?e  Compromisso para com povo? Estes políticos estão a pintar um retrato de país com tinta vermelha (ao que chegamos? )

Dentre assa brincadeira de amizade e inimizades de traição e atração o povo que paga o preço, porque somos pacíficos e vamos ficar quietos a assistir esse ciclo de desgraça coletiva ? por isso votar na Guiné-Bissau é contribuir para um preguiçoso ter mais enguiço 

Carlos Sambu - 03 de Outubro de 2016
OBS: Todas as opiniões aqui editadas são da inteira responsabilidade do seu titular (autor)

Sem comentários:

Publicar um comentário

ATENÇÃO!
Considerando o respeito pala diversidade, e a liberdade individual de opinião, agradeço que os comentários sejam seguidores da ética deontológica de respeito. Em que todas as pronuncias expressas por escrita não sejam viciadas de insultos, de difamações,de injúrias ou de calunias.
Paute num comentário moderado e educado, sob pena de nao sair em público