quinta-feira, 12 de outubro de 2017

BIAGUE NAM TAM QUER ABANDONAR CHEFIA MILITAR

CEMGFA Biague NanTam pediu ao Presidente da Republica José Mário Vaz para abandonar o seu posto a frente dos militares da Guiné Bissau, noticia e-Global. 

o pedido de Biague, feito antes da recente viagem de José Mário Vaz a Portugal, não terá sido alvo de decisão final por parte da Presidência. Ao que a e-Global apurou, o pedido não foi ainda formalizado por escrito, e nem sequer José Mário Vaz se comprometeu a aceitar a decisão do seu CEMGFA. 

Biague terá alegado razoes de saúde para a sua saida do cargo, uma vez que necessita de tratamentos regulares em Cuba, pais para onde tem viajado de forma frequente. Com este pedido, José Mário Vaz tem agora um problema em mãos relativo escolha do substituto de Biague Tam. 

Ao longo da crise politica que tem marcado os últimos dois anos do dia-a-dia da Guiné-Bissau, Biague NanTam tem sido criticado por alguns militares como o principal sustentáculo da Presidência na pacificação nos quartéis, foi também através de Biague, figura respeitada entre os militares, que o setor se manteve afastado de todos os problemas políticos, postura que tem sido alvo de elogios a toda a classe castrense por parte da Comunidade Internacional. 

De acordo com fontes da Presidência da Republica, José Mario Vaz estará agora em processo de avaliação de três nomes em cima da mesa: Augusto Mário Co, director do Instituto Nacional de Defesa, Lassana Mansaly, Chefe de Estado Maior do Exército, e o ex- Zamora Induta. O futuro responsável pelos militares da Guiné-Bissau terá a tarefa de manter as forcas armadas do pais como garante da Constituição do país num período político-turbulento. 
Rispito.com/e-Global, 12-10-2017

2 comentários:

  1. Sera que na Guine Bissau nao existe outros quadros militares? nunxa acredito que o CEMGFA ira fazer o pedido verbal a Presidente da Republica, pelo seu talento, nunca acreditarei.peço ao PR para assim ponderar e ficar tranquilo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. So muntutusndadi ku e ta sta nel

      Eliminar

ATENÇÃO!
Considerando o respeito pala diversidade, e a liberdade individual de opinião, agradeço que os comentários sejam seguidores da ética deontológica de respeito. Em que todas as pronuncias expressas por escrita não sejam viciadas de insultos, de difamações,de injúrias ou de calunias.
Paute num comentário moderado e educado, sob pena de nao sair em público