terça-feira, 25 de junho de 2019

Deputada Satu Camará eleita segunda vice-presidente do parlamento

A imagem pode conter: 2 pessoas, pessoas a sorrir, pessoas em péA deputada Satu Camará, do Movimento para a Alternância Democrática da Guiné-Bissau (Madem-G15), foi hoje eleita segunda vice-presidente do parlamento guineense, com 54 votos a favor.
"A deputada foi eleita com 54 votos dos deputados da maioria parlamentar", disse à Lusa fonte da Assembleia Nacional Popular.

Segundo a mesma fonte, os deputados do Madem-G15 e do Partido de Renovação Social (PRS) abandonaram o hemiciclo na altura da votação em protesto, porque também queriam votar um nome para o primeiro secretário da mesa, algo que "não estava na ordem do dia".

A comissão permanente do Movimento para a Alternância Democrática da Guiné-Bissau (Madem-G15) indicou sexta-feira o nome da deputada Satu Camará para o cargo de segunda vice-presidente da mesa do parlamento guineense.

Antiga militante do Partido Africano para a Independência da Guiné e Cabo Verde (PAIGC), Satu Camará já assumiu funções de ministra do Interior na Guiné-Bissau e é a primeira mulher guineense a ter a patente de major-general.

O líder do partido, Braima Camará, abdicou quinta-feira da sua candidatura ao lugar de segundo vice-presidente do parlamento.

O Madem, partido criado por dissidentes do Partido Africano da Independência da Guiné e Cabo Verde (PAIGC), e segundo mais votado nas legislativas de 10 de março, mantinha um braço-de-ferro com a maioria parlamentar por causa do lugar de segundo vice-presidente da mesa do hemiciclo.

O Madem indicou o seu líder, Braima Camará, para aquele posto, mas em duas votações este não mereceu a confiança da maioria de deputados, que pediram para o partido indicar uma outra figura para o lugar.

O parlamento da Guiné-Bissau está dividido em dois grandes blocos, um, que inclui o PAIGC (partido mais votado, mas sem maioria), a APU-PDGB, a União para a Mudança e o Partido da Nova Democracia, com 54 deputados, e outro, que juntou o Madem-G15 (segundo partido mais votado) e o Partido de Renovação Social, com 48.
Rispito.com/RTP Noticias, 25-06-2019

Sem comentários:

Publicar um comentário

ATENÇÃO!
Considerando o respeito pala diversidade, e a liberdade individual de opinião, agradeço que os comentários sejam seguidores da ética deontológica de respeito. Em que todas as pronuncias expressas por escrita não sejam viciadas de insultos, de difamações,de injúrias ou de calunias.
Paute num comentário moderado e educado, sob pena de nao sair em público