quarta-feira, 10 de fevereiro de 2021

Libertados os 2 médicos que assistiram o falecido Bernardo Catchura em Bissau

Os médicos que assistiram Bernardo Catchura, falecido no passado dia 30 de Janeiro em Bissau, já se encontram em liberdade. O Movimento dos Cidadãos Inconformados diz que a sua liberdade só ocorreu graças à pressão do PGR, sobre o magistrado que conduz o processo de inquérito. A RFI sabe que a decisão da soltura dos dois médicos é do Juiz de Instrução Criminal do Tribunal Regional de Bissau.

Os dois médicos que estavam detidos foram postos em liberdade na segunda-feira.

E esta terça-feira continuam a surgir desenvolvimentos à volta da prisão e libertação dos dois profissionais de saúde.

O Movimento de Cidadãos Conscientes e Inconformados diz que os médicos Lassana Ntchasso e Arlindo Quadê só foram postos em libertadade devido à interferência do Procurador-geral da República.

O Movimento, que foi liderado pelo falecido Bernardo Catchura, diz que o Procurador, Fernando Gomes não quer que se faça justiça neste caso, que para o Movimento trata-se de pura negligência médica.
Rispito.com/RFI, 10/02/2021

Sem comentários:

Publicar um comentário

ATENÇÃO!
Considerando o respeito pala diversidade, e a liberdade individual de opinião, agradeço que os comentários sejam seguidores da ética deontológica de respeito. Em que todas as pronuncias expressas por escrita não sejam viciadas de insultos, de difamações,de injúrias ou de calunias.
Paute num comentário moderado e educado, sob pena de nao sair em público